SérieMorte: (Des)Encanto - 3° Temporada

Finalmente, essa série da Netflix conseguiu fazer jus ao nome.

Triste ver que, algo que antes era tão interessante e promissor chegou a se tornar enjoativo, sem graça e exaustivo.

Eis o que achei da terceira temporada de Desencanto.

Boa leitura... 

Bem, agora que to de férias venho assistindo muita coisa e jogando também, mas o desanimo bateu forte quando me vi com tantas horas desperdiçadas.

Nem cheguei a falar da segunda temporada, a qual vi a um tempo atrás, pois já comecei a notar nela uma certa queda de qualidade... mas ainda assim, a série se manteve equilibrada, trazendo um humor ácido e bem dosado, com algumas reviravoltas e mistérios legais de se acompanhar, como o surgimento da terra das máquinas e a quebra dos paradigmas medievais até então estabelecidos no universo de Desencanto.

Mas a terceira temporada foi um desastre, ao ponto de até tirar minha vontade não só de assistir outras séries e animações, como também de escrever a respeito.

E sim, estou meio que me forçando a redigir pois, devido minha memória horrorosa, pode acontecer de no futuro me ver "dando outra chance" pra essa animação que, no fim, não merece isso nem a pau.

10 episódios, mais de 20 minutos cada, de pura enrolação e encheção de linguiça, sem graça alguma, com piadas sem timing, isso quando tem piadas, e muita conversa jogada fora sem propósito algum.

É assim que se resume essa terceira temporada.

Meu, pra que me alongar? Tiveram episódios inteiros em que por mais de 5 minutos os personagens ficavam se encarando e falando sobre coisas completamente fora de contexto, conversando de forma preguiçosa e cansativa, e sem graça também.

Uma coisa é incluir diálogos nosense pra dar um ar mais cômico, inclusive pôr frases fora de contexto ou discussões filosóficas só pra sair do senso comum mesmo, e assim arrancar algumas risadas... mas, do jeito que Desencanto passou a fazer, ficou ridículo e maçante, e não é nada interessante.

A história em si não vai pra lugar algum. Muitos elementos já apresentados tanto na primeira quanto na segunda temporada são reciclados na maior cara de pau, com um tempo de tela mal elaborado e exagerado pra coisas desnecessárias, curto pra coisas importantes, e pra piorar, com controvérsias de enredo que, não da pra relevar não.

Tipo, a mãe da protagonista é uma bruxa má que, hora finge ser boa, hora volta a ser má, e termina sendo má mesmo, mesmo no inicio de tudo tendo ajudado a filha. E o motivo disso tudo não é explicado, não é nem abordado, pois se preocupam mais em contar sobre um rei sendo destronado do que, sobre a própria protagonista.

Sério, do nada a mulher aparece comendo cérebros e logo em seguida, esquecem isso pois, decidem contar outra história sobre personagens sem qualquer profundidade. 

Aliás, os protagonistas deveriam ser os mesmos, a Princesa nada convencional, o Elfo taradão e o Demônio encrenqueiro mas, bonzinho. Só que do nada forçam a barra querendo dar muito mais tempo e suposto desenvolvimento pra personagens que, até parecem interessantes, até parecem ter um desenvolvimento maior e tal, até que do nada são descartados pois, no fim das contas, não eram importantes.

Isso ocorre com o Rei, que tem todo uma trama sobre sua Árvore Genealógica baseada na letra dos nomes de seus antecessores, e uma suposta maldição que, aparentemente dita o fim de seu reinado, por seu nome começar com Z... 

Mas que enlouquece, gerando uma subtrama em que sua insanidade bota seu reino em perigo, e no fim, apenas sai de cena dando lugar a sua filha, quem passa a reinar até melhor que ele, sem contar que, seu filho também veste a coroa, e tudo continua de boa, fazendo da "maldição" supérflua, no mínimo.

Isso ocorre com o Porco, que era um príncipe, e dai recebe a oportunidade de voltar ao seu reino, acompanhado do corpo original dele, pois a magia que o fez virar um porco não poderia ser desfeita...

Mas ai o corpo cria personalidade (mesmo tendo a alma de um porco) idêntica a do príncipe, da um golpe de estado no reino dele e... tanto faz, pois o porco vira seu amigo, ambos tem a chance de trocar de corpos novamente (pois a cura surge magicamente) mas, não o fazem, brigam, e tudo volta onde começou, com o porco voltando pra ser coadjuvante de fundo num chiqueiro.

Isso também ocorre com o príncipe, coroado como Rei Provisório e manipulado pelos serviçais do Rei, até que, do nada, ele perde a coroa, o Rei volta, fica louco e tudo fica de boa, com os serviçais ali do mesmo jeito que tavam, tramando e manipulando sem qualquer consequência.

Acho que o pior de tudo foi o que fizeram com a mulher religiosa, a qual fazia parte da conspiração pra tomar o reino, mas do nada se revela ser uma mera agente de um cara da Terra das Máquinas, infiltrada pra atrair a princesa de volta pra esse reino, pois o cara mais poderoso de la a queria.

É simplesmente furado, forçado, e sem sentido, nem impacto. Tanto que essa personagem some, e todas as consequências do que ela fez são resumidas a uma bota perdida.

Antes, ela era misteriosa pra caramba, parecia ter uma trama profunda, e cheia de segredos. Mas decidiram resumir tudo a "ela foi mandada, fim". Louco que os personagens com quem ela trabalhava permanecem conspirando! E a própria série parece esquecer que já deu as respostas sobre o que era a tal conspiração, e tenta empurrar novamente o mesmo mistério, e a mesma premissa, repetindo a fórmula de gente encapuzada, planos maquiavélicos, etc, etc, etc

É tanta coisa boba mostrada, que no fim não tem graça, nem razão pra acontecer, ou explicação. Exemplo? Aqui vai um perfeito:

Uma hora um grupo de Elfos Subterrâneos (tem outro nome mas sinceramente, pra mim são elfos), sai pra superfície em um ritual pra Lua Cheia, pois é quando seus poderes ficam no auge, ou sei la o que. Daí, eles abaixam as calças botam a bunda pra cima e começam a bater nas nádegas uns dos outros.

A cena é mostrada paralelo a um exército do reino treinando ou... é... não sei, eles tavam andando no mato, e ai todo mundo vê os elfos fazendo isso e, decidem deserdar. Sim, o exército desiste de treinar e defender o reino pois viram uma seita de elfos batendo em seus traseiros pra lua.

Nada nessa parte funciona. E pior, isso tudo é pra fazer o reino não ter um exército pra lidar com futuras ameaças. O tenso é que, isso não é uma justificativa plausível ou crível... é absolutamente ridículo.

Com uma trilha sonora repetitiva e uma dublagem estranha, nada parece funcionar aqui.

Sério, as vozes são boas sim, foi bem gravado e tal, mas nada do que falam se encaixa. É como se tivessem traduzido as piadas sem entendê-las, e o pior é que, as piadas fazem sentido no áudio original.

Na verdade muitos diálogos mesmo quando traduzidos ficam bons e fazem sentido. Foi na adaptação de frases que tudo se bagunçou. Um ótimo exemplo é o elfo "Deserdoro" que deserda e ainda joga na cara que, o demônio sabia que ia dar nisso, afinal o nome dele é "Deserdoro" (todo Elfo tem o nome daquilo que mais sabe fazer).

Na dublagem, chamaram ele de "Sobremeso", e a piada que fazem é o demônio dizer "Achei que ia querer sobremesa" sendo que... qual a lógica?! No original, ele diz "Achei que seu nome era assim por que gostava de areia" visto que, "Deserdar" lembra "Deserto" e tal. Simples né? O ruim é que fizeram muito essas adaptações que, estragaram bastante a experiência.

Eu, senti que foi um desperdício assistir (dublado =/). Além disso, o final é totalmente em aberto e corrido, com a protagonista se vendo encurralada por um novo personagem (se não for um personagem antigo mesmo readaptado pra uma reviravolta momentânea). É frustrante, e eu não me vejo assistindo a quarta temporada. Duvido muito que valerá a pena.


Poxa até a frase do demônio foi traduzida na dublagem, onde ele grita "Não" longo, semelhante ao Darth Vader, sendo que no final ele falava "Que Inferno", o que era até mais engraçado! Visto que ele vai direto pro paraíso, ironicamente.


Que inferno mano, estragaram uma temporada dublando errado. Talvez até compense ver legendado, mas perdi o interesse legal por causa do que a vermelhinha fez.

É isso.

Pior que a primeira temporada é icônica. Uma tristeza a Netflix ter pé frio com continuações.

Isso me fez ficar um tempo sem assistir Cobra Kai alias, por medo justamente de, desperdiçar meu tempo... mas até que me surpreendi... só que isso fica pra outro texto.

See yah.


Postar um comentário

8 Comentários

  1. Respostas
    1. Porque.....porque......
      Porque foi a única coisa que eu consegui pensar....(vish)









      Kkkkkkkkkk.
      Azideia vey.

      Excluir
  2. Uia, peraí que tava cancelando o netflix e nem sabia que tinha lançado temporada nova!

    volto já, vou assistir primeiro pra ler e comentar depois.
    u.u

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca cancele a Netflix samurai!
      As vezes eles lançaram pérolas.
      Mas dentro dessa possibilidade, há uma possibilidade que se refere a maior parte da divisão "pérolas" que é uma outra divisão de "Netflix".
      Que se chama: "Netflix estraga a sua série na segunda ou terceira temporada"

      É cara.....é difícil né kkkkkk.

      Excluir
    2. Kkk, o artigo é justamente pra dizer que... tava estranha kkk.

      Excluir
    3. E vamos finalmente responder né...

      Simbora:
      Dá pra notar bastante que a série deu uma decaída em relação as temporadas anteriores e a quantidade de coisas apresentadas...
      Continuo assistindo, a história é interessante, mas pra mim só tá aparecendo coisa atrás de coisa e indo pra lugar nenhum...
      Mas já vi a Netflix fazer pior com outras séries kkk então, por enquanto dá pra entreter ainda u.u

      Excluir
    4. Fato kkk. Mas bem, ao menos conseguiu assistir né sr.

      Excluir

Atenção: Antes de enviar seu comentário, por favor copie o que escreveu (para não perder o texto), pode haver erro ao publicar, então tente novamente.

Caso o erro persista, por favor me informe através do whatsapp (11 958017648), facebook, instagram ou tiktok.

Obrigado de mais por comentar, isso me estimula a continuar.

Emoji
(y)
:)
:(
hihi
:-)
:D
=D
:-d
;(
;-(
@-)
:P
:o
:>)
(o)
:p
(p)
:-s
(m)
8-)
:-t
:-b
b-(
:-#
=p~
x-)
(k)