ArquivoMorte

PesquisaMorte:

sábado, 16 de fevereiro de 2019

AnáliseMorte: The Walking Dead - Temporada Final - Episódio 3


Quem diria que a Telltale faliria mesmo, e comprometeria seu último jogo?


Por sorte, em sua última cartada, a empresa iniciou o game em parceria com a Skybound, justamente pra trazer novos ares, o que funcionou bem, mas era tarde de mais. Só que, apesar do jogo ter sido descontinuado, tecnicamente, pelos contratempos, a Skybound fez o favor de continua-lo.



E assim, com novas datas de lançamento, os episódios 3 e 4 sairão. Alias, o 3 já saiu, e aqui está o artigo sobre ele.

Essa análise se adapta conforme as minhas escolhas. 
Os spoilers são moldados pelo meu estilo de jogo.

Caso queira ler os episódios anteriores é só clicar aqui: Episódio 1 Episódio 2

Boa leitura.


Introdução

As novas datas são até que bem generosas, e a saga de Clementine se encerrará em Março de 2019, o que por um lado é ótimo, mas por outro... além de ser o desfecho da aventura da personagem mais amada de TWD (fanboyolismo detected), o jogo perdeu (espero que provisoriamente) um dos elementos que tinha feito ele brilhar ainda mais: Dublagem.


Infelizmente, nessa correria toda, o jogo até manteve a tradução pra português, mas aquela dublagem magnífica foi posta em segundo plano, e a prioridade foi exclusivamente pra lançar o game. Então, logo de cara, me deparei com o anúncio que não tem versão no meu idioma.




Fiquei triste mas, a essa altura do campeonato, nem me atrevo a reclamar. Nós corremos o risco de nem ter o episódio 3, o que seria uma catástrofe histórica no mundo dos games, então é bom se contentar com o que tem.




Se bem que, o jogo não perdeu absolutamente mais nada em qualidade, a história, o envolvimento, o drama, o visual, a atmosfera, a jogabilidade, tudo ficou no mesmo nível dos outros capítulos dessa temporada.

Afinal, usaram a mesma equipe original (apesar da Telltale ter fechado as portas, o grupo demitido que estava envolvido no projeto original foi chamado pra encerra-lo... e creio que muita coisa já tava encaminhada já, por isso tinham apontado as datas de lançamento).então não tinha como ficar ruim.

O game permanece no estilo escolhas e consequências, com elementos de aventura e tal, e agora a novidade mesmo ta no próprio enredo, com algumas situações no mínimo curiosas.

Em um momento, jogamos em primeira pessoa, e em outro momento, nadamos. São duas situações bem rápidas mas são bem interessantes e marcantes, além de inéditas, logo, vale o destaque... mas o farei assim que contar a história.

De resto, tudo segue a mesma linha, com colecionáveis escondidos, escolhas que afetam tanto a história quanto a personalidade do pirralho, e momentos de fazer os olhos vazarem.

Personagens

Clementine




Sinto muito mas, isso passou a ficar incômodo. Ela foi muito rejuvenescida da terceira temporada pra essa, e acabou ficando impossível ignorar. Existe até um momento que AJ diz que Clem é velha de mais pra ser sua primeira amiga, e ela diz que é lógico que não, e de fato, se nos levarmos apenas pelo visual, ela não ta tão velha assim. É uma pirralha como os outros da escola, porém...

Não é nem só por tudo que ela já passou, mas pelo fato de em sua aventura ao lado do jogador de beisebol, ela ter tido todas as experiências esperadas pra uma jovem de uns 14 a 15 anos, além de ter o físico de uma garota com tal idade. Daí, cerca de 4 anos depois, ela ta com uns 13 anos!? Clementine virou o Bejamin Burton???

Ta, pode ser mero exagero (e é, ignore isso tudo, é pura fanboylice) mas eu esperava ver uma Clementine adulta, só pra deixar o momento do encontro dela com Lee surreal.

E é, Lee ta de volta!

Lee



Ele morreu.


Mas vive no coração e mente de Clementine. Eles vira e mexe tem uma conversa para que ela se acalme, sempre antes de algum grande evento. Ela já se acostumou tanto com isso que simplesmente aguarda ansiosa por tais momentos.

Dessa vez, Lee a aconselha quanto um ataque que ela fará, além de conversarem sobre coisas como a garota que ela gosta, e o quanto ela cresceu, chegando inclusive num momento emblemático em que Lee testemunha o crescimento de Clem.

De uma mocinha franzina, ela do nada espichou pra uma mocinha franzina mais alta... Queria muito que Lee tivesse visto ela quando ela era uma badass épica e solitária...

AJ




Ainda não temos respostas sobre como AJ foi encontrado, e provavelmente jamais teremos. Esses detalhes ficaram ofuscados pela nova trama e no máximo, podem surgir com flash backs no último capítulo, porém tudo ta caminhando pra um desfecho previsível e assustador.

AJ está ficando cada vez mais maduro apesar da idade, e confuso, além de violento. O final dessa história inclusive, torna AJ num Kenny 2.0 muito mais caracterizado. Além disso, constantemente estão rolando diálogos sobre o fim que Clem poderá ter, sobre ela virar um monstro e precisar ser abatida ou não. AJ até fala sobre cometer suicídio em casos assim, pra ficar ao lado dela...

Logo, coisa boa não nos aguarda.

Abel



Ele morreu.

Mas pelo menos deu o paradeiro do grupo, depois de ser muito bem tratado por Clem e AJ, durante o interrogatório.


Houveram opções violentas, inclusive de mandar a cachorrinha ataca-lo, mas eu presei por dar conforto ao cara, e no fim, ele morreu assim mesmo. AJ se sentiu culpado pois viu que ele não era tão mal assim, mas o mais interessante, é a conclusão que o garoto tirou ao vê-lo morrer.

Violet



Ainda ta com Clem, e felizmente, a ex-namorada dela ta mortinha e ela descobre isso.


É algo bom? Sim e não né... Seria complicado se tivesse outra mina pra disputar sua atenção... então é triste a descoberta, mas confortante... (meu deus eu sou um monstro).

Violet canta! Logo, considerando o resultado por ter salvo ela e não o pianista, até que foi uma escolha perfeita.

Louis



Ele ta vivo, porém... teve uma perda traumática.

Tenn




De todas as crianças, essa é a com maior destaque, pois fez a mancada que matou um deles, e agora é julgado pelas demais.

Ele consegue se redimir no final.

O resto


O cachorro, a mina gordinha (Ruby), o garoto esquisito (Willy), o garoto projetista (Aasim) e o cozinheiro (Omar), novamente tão só de coadjuvantes. Sem perdas ou feitos significativos.

James



Bem, o garoto sussurrador volta, e temos algumas coisas bem importantes com ele.


Primeiro, ele tenta convencer Clementine a se tornar uma sussurradora, e ele consegue... Os métodos que ele usa são convincentes, e no fim, até o jogador fica meio na dúvida.

Basicamente, ele explica que os mortos vivos não são monstros, pois estão semi-vivos. Ele consegue provar, à sua maneira, e é um momento bizarramente lindo.

Clem é posta pra andar no meio dos mortos, como um deles, e isso é assustador no inicio, e fica encantador no final... mesmo ela parecendo a Chiquinha do Chaves naquele episódio da Máscara Assustadora.

Alias, ele é gay.

Minerva




A irmã gêmea da mina da Violet, e também irmã do Tenn, ta vivinha da silva e totalmente fiel aos bandidos. Ela aparece e até ajuda Clem e os outros, mas no final é mó traíra.

Infelizmente ela era jovem de mais quando foi sequestrada, e sofreu um tipo de lavagem cerebral, se transformando numa arma perfeita nas mãos de Lilly.

Lilly




Por fim, a sobrevivente da primeira temporada continua causando e tumultuando, chegando ao cúmulo de me fazer me arrepender de tê-la "poupado" na estrada.

O que ela faz é terrível, pra manipular as crianças à lutarem sua guerra. Alegando ser mera disciplina, ela trata coisas como cortar fora membros, algo trivial e necessário.

Ela até conta uma história de quando seu pai a ensinou a economizar luz, onde ela sempre esquecia de desligar a luz e pra que ela não esquecesse mais, seu pai deixou cortarem a energia da casa, assim ela aprendia de vez. Ela tomou isso como uma característica disciplinar e se converteu numa adulta tão estupida quando o pai.

É legal que ela morre, e chega a ser prazeroso assistir, apesar de ser meio assustador.

Bora la pra história:

The Walking Dead: Brinquedos Quebrados

Tudo começa de onde parou, com as crianças velando o morto. Além disso, Violet atribui a Clem e AJ a tarefa de interrogar Abel.



Só que o cara tava mal (queria entender porque não amarraram o ombro dele na cadeira também) e em meio a opções bem violentas, Clem decide ser gentil, não só pra dar exemplo ao AJ, mas pra não deixar Abel ainda pior, afinal, ele tava sem um braço, com as pernas quebradas, e vai saber mais o que.



Depois do interrogatório, Abel até tenta ser rude, mas e meio a gentileza de Clem, ele passa a colaborar, até que começa a tossir sangue, sente a morte chegando (ele tava com hemorragia interna) e suplica misericórdia pra Clem, dizendo que contará onde seu grupo está, se ela mata-lo e não deixa-lo se transformar. Clem promete que fará isso e ele conta que seu grupo, e as crianças sequestradas, estão num barco ali perto, e partirão em breve.



Clem então cumpre sua promessa, e AJ assiste, apesar dela dizer que ele não precisava. O garoto fica paralisado sem esboçar qualquer emoção ou reação, e encara os olhos de Abel enquanto ele deixa a vida.


E ai começa o capítulo após a introdução, agora creditada somente pela Skybound.


Mas, ainda com "Telltale" no logo, afinal a série é deles.



Clem, Willy (o menino esquisito), Violet e AJ vão vistoriar o barco, e descobrem que na verdade é um verdadeiro navio, bem protegido, mas com repletas falhas que eles decidem explorar.



Ao se afastarem pra bolar um plano, decidem que a melhor forma de resgatarem seus amigos é usando os monstros, para distrair os bandidos, enquanto também criam outros focos de distração usando os suprimentos dos caras, e os cavalos... é ai que notam um bandido próximo cortando lenha.


Clem se aproxima pra rende-lo e interroga-lo...



E ai, depois de conseguir, ela é interrompida por Violet que reconhece o bandido como sendo a Minnie, a Minerva, sua ex-cunhada.



Elas conversam um pouco, Minerva conta que sua irmã morreu, e pergunta sobre Tenn, além de ficar brava com Clem por ela ter liderado os jovens a confrontar os adultos. Clem não deixa barato, rebate dizendo que Tenn se envergonharia ao ver o cachorrinho que sua irmã virou, e antes da discussão ficar feia, outros bandidos aparecem, Minerva da cobertura à Clem e aos outros e depois quando os bandidos vão embora, ela diz pra Clem não resistir mais, se entregar de vez que tudo ficaria bem.



Então ela vai embora, e Clem decide continuar o plano. Ela vai atrás de James, pra conseguir os monstros para distração, e leva AJ junto. No caminho eles conversam um pouco, depois de AJ sentir as dores da cirurgia que sofreu, e ele confessa pra Clem seus temores e sentimentos, sobre sentir raiva o tempo todo, como de Willy, o qual falava mal de Tenn pelo que ele fez na noite anterior. Mas Clem diz pra ele se segurar.



Então, eles encontram o acampamento de James, que havia sido atacado pelos bandidos, estava levemente ferido, e tinha perdido sua máscara. Ela tava cercada por monstros, e ele pede ajuda pra recupera-la.



O cara pede pra Clem não matar os mortos-vivos, e ai vem uma parte bem chata em que podemos escolher se vamos apenas atordoa-los, ou matar logo de uma vez. Clem respeita o pedido do amigo e atordoa geral, dando tempo pra ele encontrar sua máscara. Até AJ ajuda, sem matar.



No fim ele agradece, mas ao ouvir o plano de Clem, diz que não pode ajudar, e ai pede pra ela o acompanhar até um celeiro.



La, ele mostra uma horda de mortos-vivos, que ele diz que recolheu para salva-los. Antes, como Sussurrador, seu grupo juntava os mortos assim pra usar como armas, mas ele apenas queria protegê-los. Ele era incapaz de usa-los assim...



Ele diz que os mortos-vivos são doces, ingênuos, quando estão isolados. Fala que eles não são agressivos uns com os outros, e que ele já andou tanto entre eles, que sabe que eles não são apenas seres reanimados. Ele acredita que há algo vivo neles, alguma parte de quando ainda eram vivos. Ai ele pede pra Clem usar sua máscara, andar em meio a eles, e tocar um sino no meio do celeiro, dizendo que assim ela entenderia como ele se sente e o que ele pensa.


Ela aceita, veste a máscara e sai andando apavorada.



Tem momentos que os mortos chegam tão perto, que quase a atacam, mas outros meio que "ajudam" empurrando. Tem um que empurra o outro no tempo exato, que dava até pra deduzir seus pensamentos, algo como "Vaza mano, ela é novata.".


Ela praticamente abraça um monstro pra tocar o dito sino, e poder sair desse pesadelo.


E ai, todos os mortos se viram pra ela, andam na direção dela...



E olham pra cima, vislumbrando o sonoro sino. Clem nesse momento enxerga algo além da monstruosidade das criaturas.



Clem volta pra ele e AJ, e diz que o entende. Ele pergunta se ela conseguiu ver o que ele via, e Clem diz que de fato, eles são diferentes quando estão sozinhos, e que talvez ele estivesse certo. Ainda assim ela pede sua ajuda, pra salvar seus amigos, até fica meio revoltada quando ele se recusa novamente, e ai, James decide sacrificar seus "amigos" para salvar os de Clem.



Depois disso ela volta pra escola, encontra Ruby que já tinha sido comunicada sobre o plano de resgate, e pra que todos ficassem bem ela decidiu fazer uma festa. Assim, pede ajuda de Clem e AJ pra montar a festinha.



Clem volta com AJ pro quarto pra ele desenhar um pouco pra enfeitar a festa, e ai ele desabafa ainda mais pra ela. AJ pergunta se o que James disse é real, se os mortos vivos ainda tem algo deles... La no encontro com James, eles chegaram a citar Lee, e como Clem foi incapaz de mata-lo, e ai, AJ diz o mesmo sobre Clem, falando que se recusará a mata-la caso ela se transforme, mesmo tendo prometido. A conversa não tem conclusão, Clem não sabe bem o que dizer pra ele. Alias, durante a conversa, AJ fez uma declaração profunda e filosófica sobre os mortos. Ele disse que existem 3 tipos de olhos, os dos vivos, que tem um brilho como o de Clem, o dos mortos vivos, que são sem luz como um lago sombrio, e o dos mortos, onde o brilho vai sumindo aos poucos até ficarem vazios, como ocorreu com Abel. Ele diz isso pois imagina que talvez James esteja certo mesmo.



Depois disso, AJ fica chateado e sai pra patrulhar, e esfriar a cabeça, e ai Violet entra no quarto. Ela conversa com Clem, sobre o que houve na floresta e como Minerva mudou, e ai passa a ser bem romântica. Ela pede pra dançar com Clem, algo que ela nunca fez com ninguém.



Ai AJ interrompe a festinha, com uma Bola de praia que ele achou e encheu, e ele brinca com Clem, mostrando o quanto ambos se amavam. 



Na festa, já nos preparativos finais, Ruby tira dúvidas do que usar com Clem e AJ, perguntando que tipo de música seria legal, que tipo de dizeres poderiam por nos cartazes, e quais as cores das velas.



Depois de ajuda-la com isso (que não faz tanta diferença) ela vai ao encontro de Willy, que havia tido a brilhante ideia de construir uma bomba, pra vingar seu amigo, a qual usaria pra destruir o barco dos bandidos assim que seus amigos fossem resgatados. Clem aprova a ideia apesar de receosa, e Willy explica que não há risco de atingir eles, pois dava pra montar um tipo de "bomba relógio" usando a própria caldeira do barco.



Ele monta todo empolgado, e decide até dar nome ao artefato, que Clem não decide a tempo e AJ chama de "AJ", só isso. Então eles vão pra festa, curtir um pouco antes da grande incursão.



Eles brincam, lendo os documentos das crianças e relatórios do que os adultos pensavam sobre elas quando chegaram la, Violet conta sua história de vida, e o motivo por ter sido mandada pra la, onde ela assistiu o suicídio da própria avó e não ligou, ficou assistindo desenhos. E ai, depois de ser confortada por sua amada, ela canta.



Curiosamente, a música que ela canta é a que sua ex cantava, a qual tinha uma voz maravilhosa pelo que dizem. A música era na verdade um dueto, e apenas com Louis ela ficaria completa, então fica algo a capela. Provavelmente, se Louis tivesse sido salvo ao invés de Violet, ele tocaria a música, mas faltaria alguém pra cantar.


E ai, AJ termina a festa apagando a vela, e Clem dorme.



Clem se encontra com Lee, conta como ta preocupada com seu novo grupo, e como adora ele. Também diz várias vezes o quanto sente a sua falta, e lamenta pelo que houve com ele.



Lee a consola, diz que ela vai conseguir, e que ela é forte. Clem confia plenamente no que ele diz, mesmo sabendo que ele é só fruto de sua imaginação, mas Lee consegue ser tão realista que te juro, achei que ela tinha viajado no tempo. Ele pergunta sobre AJ também, pergunta se ela ensinou ele tudo o que ele a ensinou, e Clem diz que ele ficaria orgulhoso. Então eles se abraçam.



E Clem cresce pra sua forma atual. Lee se impressiona com ela, diz que ela ta incrível, e ainda tira onda por ela não manter o cabelo curto. Ainda assim, ele fala que ta muito orgulhoso da mulher que ela se tornou, e lamenta por não estar la com ela.


Ele se despede, diz que ela terá uma batalha pela frente e deseja sorte...


E ai Clem acorda.



Todos se preparam pro resgate. Ela ficaria com a bomba, e instalaria ela na caldeira, Willy iria roubar suprimentos dos bandidos, que estavam numa jangada, Ruby e Tenn iriam incendiar o feno dos cavalos, pra perturbar os bandidos, e por fim, Clem, Violet, AJ e James iriam com os mortos-vivos, pra se infiltrar enquanto os bandidos se distraiam.



James se apresenta pro grupo, que até o acham maneiro, principalmente Willy que pede pra usar sua máscara. Assim, James se afasta um pouco e pede pra conversar com Clem. Ele conta pra ela que tinha medo de não ser bem recebido mas que ficou impressionado, e até estava pensando em voltar a viver em sociedade, com aqueles jovens mesmo. Além disso, ele mostra uma foto de seu namorado, que era um sussurrador com ele, e conta um pouco de seu passado. 




Ele diz que era violento, que aprendeu com os sussurradores a nunca ter misericórdia, até que percebeu que se arrependeu de matar pessoas e percebeu que algo nele estava mudando. É ai que ele pede pra Clem tomar cuidado com AJ. O garoto havia mencionado que já matou alguém, que era um assassino e estava tentando se remediar (meio exagerado mas é uma verdade) e James se preocupou, ele decidiu contar pra Clem que na idade de AJ, matar pode ser traumatizante e que algo morre dentro da pessoa quando se faz isso. Assim, ele faz ela jurar que não deixará AJ matar de novo.



Outra promessa que ela é obrigada a fazer é a de contar pra Minerva que seu irmão a perdoa, apesar de tudo. E ai, depois de todas esses compromissos, Clem vai pra Violet, e também promete que vai ficar bem, além de tascar um beijo maroto na moça!


AJ vê tudo, e Clem manda ele se lascar. Ele até começa a rir...



Enfim, James traz uma horda pra atacar os bandidos, enquanto AJ, Clem e Violet se cobrem de tripas pra andar entre eles.



Eles precisam usar os mortos como escudos, e cara, é difícil... Mas Clem consegue, e o resto consegue por tabela.


Eles se aproximam escondidos do navio, evitando os bandidos em meio ao tiroteio.


Passam pela água perto do pier...



Testemunham dezenas de mortos vivos andando embaixo d'água, que é algo bizarro de se ver. Clem quase é morta nessa hora, pois um deles segura ela pelas pernas.


E ai, Clem e os outros conseguem entrar no navio.


Depois de ter de lutar contra alguns mortos (James num tava vendo mesmo).



Mas la dentro ainda tava cheio de bandidos. Clem e os outros andam furtivamente, evitando qualquer confronto, e no máximo atordoam um ou outro.


Eles chegam na sala da caldeira, instalam a bomba, que só explodiria uns 15 minutos depois que ligassem a fornalha...



E vão atrás de seus amigos, dando de cara com Minerva. Ela tenta rendê-los, mas Clem diz que Tenn a perdoa, e isso amolece o coração da moça. Ela decide ajudar eles a encontrarem seus amigos, e os guia até as prisões.



La, ela golpeia Clem pelas costas quando ela vai averiguar como Louis está, e rende AJ e Violet, levando ambos pra outra jaula, onde os outros dois estavam (Omar e Aasim).



Quando acorda, Clem tenta conversar com Louis, mas descobre que a língua dele foi arrancada pelos bandidos, porque ele falava de mais.



Ela não perde tempo, chama por AJ e pede aquela faquinha que ele fez (a qual ele escondeu muito bem) e tenta abrir a porta com ela, mas, é pega fazendo barulho por uma bandida e Lilly aparece pra interroga-la.



Lilly pergunta onde Abel está, e Clem conta que eles o mataram, por misericórdia. Ela fica meio irritada mas, mantém a compostura, entra na prisão (Louis fica em pânico ao vê-la) e se senta, contando sua história e dizendo o quão impressionada estava com Clem. Diz que pelo fato dela ter liderado a pirralhada pra fazer tudo aquilo, ela tinha se convertido numa preciosidade, e poderia se tornar uma carta importante pra ela na guerra. Clem não recusa nada, e ainda se oferece em troca da liberdade de seus amigos, mas Lilly diz que quem dita como tudo funcionará é ela.



Ela então conta como disciplinou Minerva, sua leal seguidora, a qual matou a própria irmã para parar de resistir. Clem logo entende a mensagem e diz que não resistirá, mas Lilly diz que ela ta cedendo fácil de mais, e ela queria testar sua obediência, então ela pede pra pegarem Violet, que estava falando de mais, e arrancarem seus dedos.



AJ não se segura, e Clem também não tenta impedir, e ele pula nas costas da bandida, e arranca a orelha dela na mordida. Depois disso ele aponta uma arma imaginária pra Lilly e diz que vai matar ela... é meio assustador.



Lilly gosta, diz que o garoto tem futuro se for bem lapidado, e mediante aos pedidos de Clem para não fazer nada com ele, ela o arrasta para educa-lo em particular.


Clem não perde tempo, enquanto Violet distrai Minerva, ela consegue se libertar, usando a faca de AJ que escondeu.


E ai rola luta, ela e Minerva num fight nervoso.



Minerva quase derrota Clem, mas Violet também se solta, pega a Balesta de Minerva e atira contra ela. A moça não morre, mas cai ferida e Violet se recusa a deixa-la pra trás, pedindo pra Clem seguir em frente.



Clem vai resgatar AJ, e testemunha Lilly com James capturado, e também o jovem Tenn. Ela estava prestes a mostrar para AJ como que se é obediente, usando os jovens como exemplo...



Mas Tenn consegue pegar a arma dela e ameaça-la. Lilly debocha dele, encosta a própria testa na arma e diz que ele não tem coragem, que é só uma criança chorona... Tenn fica mal e não consegue atirar, tendo a arma tomada por Lilly.



Mas a cena é o suficiente pra que AJ haja. Ele consegue derrubar a arma de Lilly e James pula no bandido que tava dando suporte.


Clem não perde tempo e pula em Lilly, e começa a enfrenta-la.



Ambas lutam muito, rolando pra todo lado. AJ ajuda Clem, esfaqueando Lilly na perna, e ai, ambas caem, e tentam alcançar a arma.


Só que AJ a pega.



Ele aponta pra Lilly, diz que a matará. James grita que ele não precisa ir tão longe, e Lilly implora por misericórdia, diz que não vai mais fazer mal às crianças, que os libertará, e que irá embora e nunca mais voltará, além de dizer que não quer morrer. AJ com sangue nos olhos diz "Ela arrancou a língua do meu amigo", depois de chama-la de monstro e dizer que não se arrependeria de mata-la, pois ela não era como Marlon, ela realmente era um monstro.



Então fica no impasse, Tenn dizendo pra matar ela, James dizendo pra não matar, ela implorando pra não morrer, e ai, AJ olha pra Clem esperando uma decisão.


Clem acena com a cabeça e AJ dispara 37 tiros na cabeça de Lilly, sem nem esperar a resposta sumir.



Com Lilly morta, James fica decepcionado com Clem, por ter deixado AJ fazer isso (eu preferia que ele jogasse a arma pra ela mas, não tinha essa opção), e ai a caldeira explode. O Navio já tinha sido ligado a um tempo, e a explosão ocorre, jogando todos pra todo lado e terminando o episódio.


Com isso surgem os créditos junto com as decisões mais importantes do jogo. Até que eu fui bem na média...

Eu Matei Abel



Não era justo com ele mentir, e também AJ precisava de um exemplo bom depois de tudo o que passou. Ter misericórdia pelo inimigo numa situação assim é algo generoso e bondoso, que ele precisa absorver.

Eu Não Matei os Monstros



Achei correto respeitar James, não só pra conquistar sua confiança mas pra demonstrar boa fé, afinal estava prestes a pedir um favor um tanto quanto cruel pra ele. Além disso, eu queria o desafio e a adrenalina de passar pelos mortos sem poder lutar.

O Nome da Bomba é AJ


Eu ia chamar de "Vingança de Mitch" só que o tempo passou rápido de mais, e AJ decidiu batizar a bomba.

Deixei o Moleque ser Feliz



Ele tava com fome. Além disso, naquela situação, uma ova que eu deixaria arrancarem a mão, dedo ou unha da Violet, se ferrar... os bandidos são uns merd4s. Se eu tivesse salvado Louis, ele perderia a mão nessa cena, provavelmente, o que seria ainda pior que a língua (afinal ele é pianista). E Violet perderia a língua, o que seria pior pois ela é cantora... pensa mano! Esse desfecho nem foi tão ruim, pelo menos pra maioria... Louis se ferrou de qualquer jeito.

Deixei o Moleque Ser Feliz de Novo



Mano, Lilly tinha de morrer. Ele tava com a razão... exagerou ao atirar tantas vezes? Sim... mas é melhor que outra pessoa morrer pela sobrevivência dela. Ele garantiu que ela num volta mais.

Então, essas foram as escolhas da minha Clem.


Louis Sumiu



Além disso o cara deve estar em pânico, mas, considerando que ele foi um dos que fugiram, ele deve ter se jogado no rio com os outros ou algo assim.

James Sumiu


Uma pena, talvez ele tenha morrido ou sido ferido na explosão. Não da pra saber.

Lilly Morreu


Se fodeu.

Abel Morreu


Senti pena dele.

Tenn Sumiu


Espero que ele tenha sobrevivido a explosão... sem sequelas. Mais uma cicatriz seria fogo...

Minerva Sumiu


Provavelmente Violet a salvou, mas se morreu também não fará falta.

Violet Sumiu


Ela teve tempo pra fugir. Só espero que não tenha sido impedida pela vira-casaca.

Ruby e Willy tão bem, Omar e Aasim sumiram



Rosie, a cachorrinha, nem participou do resgate, ela ta bem, certeza. No caso de Willy e Ruby, deve também estar legais, agora Omar e Aasim podem ter saído do barco a tempo ou não. Tudo depende de Violet.

Eu não coletei tudo, pois nem vi importância nesses itens. O último será o episódio final, e se tudo seguir o mesmo rumo atual, Clem vai morrer mesmo.


To torcendo pra não, mas se ocorrer, já to preparado psicologicamente.



Alias, obrigado Skybound, e até Março.

Obrigado também a você pela leitura e te vejo na próxima.

2 comentários:

  1. caaaara que animal!!!! quando sai o proximo capitulo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dia 26/03 se tudo der certo. Ai eu jogo, analiso, e até no máximo dia 30/03 posto.

      Excluir

CadastroMorte

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner