ReviewMorte: A Bela e a Fera (1991)

A Bela e a Fera (1991)


Santo espartilho, esse filme é do mesmo ano que eu nasci! E eu nunca havia assistido... eu me lembro de promoções em kinder-ovo durante minha infância, tenho uma vaga memória, mas confesso que não recordava de nada do enredo.

Foi ótimo ter assistido, a versão clássica, não apenas pra reforçar o conteúdo do post sobre Kingdom Hearts 2 que está por vir (ele ta ficando surreal) mas para incluir essa obra prima Disney na minha grade de filmes preferidos... e sim, amei!

Tem spoilers.

Boa leitura.


Direto ao ponto, segue meu resumo, e algumas considerações:

História

Tudo começa com a lenda sendo apresentada. A muito tempo, havia um príncipe, que era arrogante, egoísta e mimado.


Numa noite, uma idosa veio a sua porta, pedindo por abrigo e oferecendo uma rosa como pagamento. Porém o príncipe se recusou a ajudar a senhora, por ela ser muito feia.


Com isso, a idosa insistiu para que ele não julgasse as pessoas pela aparência, mas o príncipe não se importou, e em seguida, a idosa se revelou ser uma feiticeira belíssima.


Mas, ela castigou o príncipe, que mesmo implorando, foi amaldiçoado a uma forma monstruosa, junto com seu castelo, e todos que moravam lá.


A feiticeira disse que, a única forma dele voltar ao normal, era com a rosa que ela ofereceu. Se ele conseguisse um amor correspondido antes da última pétala cair, a maldição seria retirada. Além disso, a feiticeira deixa com ele um espelho mágico, para que ele pudesse olhar pra onde e quem quisesse no mundo.


Porém, como ele era uma fera, não só por fora, mas por dentro, ninguém se apaixonaria por ele, então com o tempo ele desiste.


Daí um dia, surge Bela. Ela era uma camponesa recém mudada para um vilarejo na frança, e sua beleza era incontestável, mas, ela era considerada estranha por todos, pois tinha hábitos incomuns. Ela lia bastante, amava livros, e isso não era normal, afinal, para as pessoas da época, "ler dava ideias e mulheres não podiam ter". 


Além disso, Bela era filha de um cientista, que era considerado maluco por todos, mas inofensivo. O cara não era tão esquisito alias, só era um senhor de idade avançada que buscava construir engenhocas pra ganhar a vida.


É após ter construído uma máquina de cortar madeira, que esse senhor tenta vendê-la na cidade, mas se perde numa floresta e vai parar no Castelo do Príncipe Amaldiçoado. 


Ao fugir de lobos, ele acaba pedindo abrigo nesse castelo, aparentemente fantasma, quando do nada vários objetos vivos surgem, e começam a interagir com ele, e recepcioná-lo. Ele fica louco ao ver engenhocas tão complexas...


Mas, o dono do castelo chega, uma Fera assustadora, e não fica nada satisfeito com a presença do estranho senhor, e o captura.


Enquanto isso Bela estava em casa. Ela não tinha amigos, nem ninguém pra ficar perto, exceto um cara chamado Gaston, que era bonito mas orgulhoso e narcisista, além de ser antiguado (a frase citada acima é dele). Ele despreza os hábitos de Bela e pensa em casar com ela, não por conhecê-la, mas porque ela era a mais bela, e ele queria isso pra ele.


Ele da em cima dela, praticamente abusando dela, mas ela o rejeita e se nega a ficar com ele, o que o irrita mas não o desanima, pois ele queria ela a todo custo.


Então, Bela descobre que seu pai se perdeu, quando o cavalo dele retorna com a invenção dele.


Ela decide ir atrás, e o cavalo a leva até o castelo.


Quando ela entra, não encontra ninguém, e diferente de seu pai, nenhum objeto a recepciona, entretanto, eles a guiam (escondidos) até o calabouço do castelo, onde seu pai estava preso.


Seu pai estava bem, mas tinha sido mantido prisioneiro, e ela tenta libertá-lo.


Nessa hora, o príncipe, que era uma besta feroz auto-intitulada Fera, se aproxima irritado e diz que jamais o libertará. Mas Bela se oferece para ficar no lugar de seu pai.


Isso convence Fera, que vê uma oportunidade de quebrar a maldição, então ele liberta o pai de Bela, sem dar chances dela se despedir, e Bela é obrigada a ficar no castelo por todo o sempre.


Mas, ela não curte a ideia, e fica em prantos.


Um dos objetos falantes, um Candelabro, orienta Fera a ser mais educado e gentil com a moça, porém Fera era grosso e rude, arrogante e bruto... era complicado. Mas ele se esforça, ao invés de deixa-la numa jaula, ele da um quarto pra ela, na Ala Leste, proibindo ela de ir a Ala Oeste, apenas isso.


Ele também a convida, da forma mais bruta possível (praticamente obrigando) a jantar com ele.


Bela se tranca em seu quarto.


Nesse meio tempo, seu pai chega ao vilarejo, e fala sobre a Fera que sequestrou sua filha, mas ninguém acredita nele. 


Entretanto, Gaston tem a ideia de usar a aparente loucura do pai de Bela, para convencer a garota a se casar com ele, na base da ameaça.


Bela, apesar de mal, acaba conhecendo os objetos falantes, que se apresentam de forma bem gentil e a deixam mais confortável em sua prisão. Ela conhece a Armário, que tenta vesti-la, a Chaleira e seu filhinho, e o Relógio, que vem busca-la pro jantar. Bela se impressiona e logo se acostuma com os seres mágicos, mas se recusa a ir ao jantar, justamente por causa do Fera, que ela repudiava.


Fera não fica nada feliz, grita com ela através da porta, ameaça derrubar tudo, e ainda diz que se ela não comer com ele, morrerá de fome pois ninguém a alimentará.


No fundo, Fera fica triste por ver que sua possível chance de encontrar uma donzela pra amar, não ia dar em nada. Ela era linda, ele um monstro, e seu comportamento também não ajudava. Curiosamente, todos os objetos pareciam gostar de Fera, eles viam nele algo que nem ele mesmo via... 


Então, ao anoitecer, Bela sai de seus aposentos e decide ir atrás de comida, chegando à cozinha, onde conhece o Candelabro, e mais alguns objetos falantes ou vivos (nem todos falavam). Ela tem um jantar servido pra ela, com direito a um musical, e se alimenta.


Depois disso ela decide passear pelo castelo, pra conhecer o que ela chama de "Castelo Encantado", mas ela decide ir justamente pra Ala Oeste. 


Os objetos tentam convencê-la a não explorar aquele local, pois o amo não ia gostar, e até descobrem sua paixão por livros ao falar da biblioteca, mas a curiosidade da garota vai além de seu bom senso, e ela explora mesmo assim.


Ela vai parar no quarto do Fera, onde encontra a Rosa Encantada com algumas pétalas caídas. Ela chega a abrir o recipiente da Rosa, que o Fera colocou pra proteger a planta, e isso irrita ele de mais.


Ele aparece logo atrás, puto da vida, e expulsa Bela na base dos berros. Ela foge do castelo assustadíssima...


Mas, na fuga, Bela é caçada por lobos, e quase morre... 


Até que Fera surge e heroicamente a salva, se ferindo na briga.


Bela pensa em fugir, mas decide ajudar o monstruoso herói, levando ele até seu castelo e tratando de seus ferimentos. Eles chegam a discutir um pouco, com Fera sendo bem estúpido, reclamando de dor e botando a culpa nela, mas Bela é tão gentil, que agradece pelo resgate do monstro, amolecendo ele um pouco, que se desculpa.


Enquanto isso, Gaston contrata um cara para prender o pai de Bela, num asilo, para então barganhar o noivado com a moça em troca da soltura. 


E o pai de Bela decide ir resgata-la sozinho, na neve, e assustado. Isso garante tempo pra ele pelo menos, pois Gaston chega atrás dele logo em seguida mas não o encontra.


Bela e Fera começam a mudar um pouco sua relação, começando com Fera, mudando seu comportamento e buscando ser mais amistoso. Ele a apresenta a colossal Biblioteca de seu castelo, e isso conquista a moça logo de cara.


Fera diz que é tudo dela, se ela quiser, e partindo daí eles começam a se dar muito bem.


Bela começa a ver em Fera alguém interessante, mais generoso e simpático. Ele estava bem diferente de como ela tinha conhecido, e isso a atrai.


Os objetos logo percebem que estava surgindo algo mais entre aqueles dois, e ficam empolgados com a possibilidade quase certa de voltarem a ser humanos. Eles eram todos os servos e moradores do castelo, e a maldição deles era se tornarem em objetos vivos.


Eles começam a assistir o relacionamento de Bela e Fera, e torcer por ambos, chegando ao ponto de limpar o castelo inteiro, e preparar um belo baile só para o casal.


Bela e Fera estavam próximos de se apaixonarem, e os objetos estavam fazendo de tudo pra isso dar certo, então na noite do baile deles, após dançarem, Bela e Fera conversam.


Fera pergunta se Bela estava feliz, ali, com ele, e ela diz que sim, mas que sente falta de seu pai.


Então Fera a leva até seu quarto, e entrega o Espelho que Tudo Vê pra que ela veja seu pai em tempo real.


Ao usar o espelho, ela vê que seu pai está em perigo, na neve, sozinho, e Fera então a liberta, deixando que ela parta para resgatar o pai. Ele também pede pra ela levar o Espelho, pra assim, talvez, olhar pra ele quando sentisse saudades, se sentisse...


Depois disso Fera é questionado pelo Relógio, e o monstro apenas diz que a deixou partir, pois a amava. Ele tinha entendido que mantê-la ao seu lado a força não era o certo (mas deixou ela ir pra floresta sozinha outra vez, e pior, com o Espelho... e se ela ficasse em perigo de novo hein???).


Por sorte, Bela encontra seu pai vivo, e o resgata, levando até a casa deles. La, ela cuida dele, e ambos descobrem que a pequena taça, filha da Chaleira, havia bancado a clandestina.


A Taça pergunta por que Bela foi embora, se não gostava deles, mas antes da resposta, um grupo de aldeões chegam a sua casa.


Gaston havia levado o cara do Asilo pra capturar o pai de Bela, e diz que se Bela se casar com ele, o libertaria. Mas, Bela se recusa. Então o vilão começa a mentir que o pai dela era um louco de pedra.


Gaston usa como argumento o fato do pai de Bela afirmar que viu a Fera, como prova de sua insanidade, e Bela pra protegê-lo usa o Espelho pra mostrar a Fera, mas tenta defender a criatura dizendo que ele não é mal...


Mas, isso deixa todos em pânico, e Gaston reforça esse pânico, dizendo que Fera é um monstro terrível e iria aniquilar a todos, tudo só porque Bela diz que era um amigo dela.


Ele convence os Aldeões a caçarem o Fera, e todos marcham para o castelo dele, com Gaston levando o espelho roubado de Bela, e prendendo ela no porão de sua casa.


Enquanto uma guerra acontece, entre Objetos Vivos e Pessoas (os objetos vencem, expulsando as pessoas)...


Bela se liberta com ajuda do Tacinha e corre para avisar Fera.


Mas, Gaston alcança Fera, que se recusa a lutar, por estar com o coração partido, e é atacado de várias formas, quase sendo morto pelo caçador condecorado que era o Gaston.


Mas, Bela chega, gritando por Fera, e isso faz Fera sentir vontade de lutar.


Ele consegue derrotar Gaston, e poupa sua vida.


Mas ao se aproximar de Bela, que tinha subido na varanda do Castelo, Gaston perfura Fera com uma faca, e cai no processo. Gaston morre atoa... e Fera não cai pois Bela o segura.


Então, Fera começa a agonizar, e diz que pelo menos poderia ver o rosto de Bela uma última vez. Ele morre em seus braços (pra mim, era exagero mas ta...) então, Bela chora, e diz que o amava.


A última pétala da flor cai.


E todos ficam tristes, mas ai, Fera brilha.


Ele se converte em humano novamente, um príncipe, mais ou menos bonito (ele é feio mano)...


Bela fica assustada, não reconhece Fera de inicio (apesar de ter visto ele se transformando... vai entender) mas reconhece ele pelos olhos.


Então ambos se beijam.


A maldição de todos, inclusive do castelo, é removida. O castelo fica bonito, as estátuas demoníacas voltam a forma real, os objetos se convertem em humanos, e todo mundo fica feliz.


Então Bela e Fera dançam, no salão, agora cheio de pessoas.


E o príncipe, que aprendeu a ser amável, encontra sua princesa.


Fim... chupa essa bruxa tosca!

Que filme fofo... eu chorei.

Te dizer a real acho que tenho problemas, esses filmes da Disney tão me fazendo ficar mó mole... mas poxa, são tão bonitos. A Disney realmente cria animações belíssimas...

É bom finalmente conhecer corretamente a história da Bela e a Fera. É a versão Disney é claro, creio que existam outros filmes, mas esse... nenhum jamais superará esse.


Alias, já mencionei que a Disney ta atualmente na onda de Live Actions? Eles já fizeram um de Bela e a Fera, com a Hermione no elenco! Eu não vi... talvez um dia veja... mas por hora, esse não é meu objetivo.


Enfim, é isso.

See yah!


Postar um comentário

2 Comentários

  1. Muito bom. O live Action é bom. Bruxa arrombada quase destrói a vida de todos só castelo só pq o cara n quis gastar com ela kkkkkk, sei que é bem assim né mas tudo bem, os motivos dela foram outros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um dia eu assisto... mas mesmo na animação, essa bruxa foi tosca de mais. Ta, ela ensinou algo bem legal pro Fera, mas isso foi a longo prazo e não era nada garantido, e pensa no quanto o povo do castelo sofreu por causa disso. Bruxa idiota...

      Excluir
Emoji
(y)
:)
:(
hihi
:-)
:D
=D
:-d
;(
;-(
@-)
:P
:o
:>)
(o)
:p
(p)
:-s
(m)
8-)
:-t
:-b
b-(
:-#
=p~
x-)
(k)