ArquivoMorte

PesquisaMorte:

quinta-feira, 12 de julho de 2018

AnimeMorte: Tokyo Ghoul

Em busca de um anime sangrento acabei me deparando com Tokyo Ghoul, que prometia grandes cenas bem horríveis mas, no final, graças as censuras, num foi la tão impactante não.


Ainda assim sua história é interessante pra se acompanhar, apesar de ser bem confusa.

Não se preocupe, esse texto ficará curto e eu pouparei spoiler (vou tentar), então boa leitura.

Atualmente há 3 temporadas de Tokyo Ghoul e logo sairá um filme em live action dele, mas enquanto não sai nada novo irei me contentar com o material de agora.

Cada temporada fala de uma etapa diferente em que o protagonista, Kaneki, se envolve com um mundo bizarro de criaturas que devoram humanos. Na verdade, é até comum a existência desses seres, de aparência humana porém com regeneração aceleradíssima, olhos escuros com iris vermelhas e pra variar, poderes com base em seu sangue sendo expelido pra fora e formando armas, carapaças e afins.


Esses seres tentam viver entre os humanos, escondidos, mantendo seus olhos normais e evitando aparecer em público com seus poderes, mas, eles tem uma desvantagem cruel: Não podem comer nada além de carne humana.


Com isso, pessoas que não comem em público viram alvo fácil daqueles que caçam Ghouls, e em contrapartida, essas criaturas são odiadas e temidas afinal, são caçadoras de humanos. E é ai que Kaneki entra.


Ele era apenas um humano acadêmico, que vai num encontro com uma mina e descobre que ela era uma Ghoul e o queria devorar, mas na hora H um acidente ocorre e ela morre esmagada, enquanto ele fica gravemente ferido e é levado para ser transplantado com os órgãos da Ghoul recém falecida. Assim, ele é salvo, mas acaba virando meio humano, meio Ghoul.


Na primeira temporada inteira tudo gira em torno de Kaneki tentando lidar com a nova vida, conhecendo os Ghouls como eles realmente são, entrando pra uma comunidade que se recusa a matar pra comer, e também enfrenta outros Ghouls que são a favor da caçada. Ele tenta proteger seu lado humano enquanto conhece seu lado Ghoul e de quebra, tem de superar o passado da garota transplantada que deixou seu cheiro nele, e vive assombrando ele psicologicamente para ceder às tentações de se alimentar.


Porém, o climax da primeira temporada é quando ele é capturado por um Ghoul que deseja entender a razão dele só ter 1 olho Ghoul, e é tão torturado que perde a sanidade, fica com cabelos grisalhos e de quebra, comete canibalismo devorando o seu torturador.


Confira o trailer:


Na segunda temporada, as coisas mudam um pouco de figura, pois Kaneki precisa lidar com as rivalidades dos clãs Ghoul, ao mesmo tempo em que os Caçadores de Ghoul, uma organização governamental de auto-intitulados "Investigadores", aparece mais e mais, na cola dele e ameaçando seus amigos.


Nessa temporada, o armamento dos Investigadores é melhor apresentado, bem como suas organizações e interações. Eles até aparecem na primeira temporada, como grandes antagonistas, mas o destaque fica pro fato deles usarem armas biológicas removidas de Ghouls mortos por eles. Aqui, eles usam bem mais dessas armas e armaduras criadas com a mesma base.


Além disso, a rivalidade dos clãs Ghoul e uma guerra entre a raça humana e a deles é instaurada ao ponto de rolarem massacres pelas cidades e forçarem os Investigadores a exterminarem os Ghouls. E ai, Kaneki entra como um aliado do time de vilões, com sua máscara Ghoul "Tapa Olho", completamente perdido na insanidade e seriedade, buscando secretamente proteger os Ghouls inocentes, tentando poupar vidas de humanos também. Sem contar que ele também precisa aprender a controlar os efeitos do canibalismo, que fazem seu corpo ficar instável e libertar poderes de outros Ghouls que ele devorou, bem como traços de personalidade deles.


Mas, no fim, um amigo humano dele morre em seus braços, e ele já tinha passado por tanta tortura que decide andar no meio do exército alheio, pra levar o corpo de um Investigador e entrega-lo a eles. Ele literalmente se entrega no final, para dar cabo ao massacre.


Confira o trailer:


Na terceira temporada Kaneki não existe mais. Em seu lugar surgiu um rapaz com cabelos pretos e grisalhos, o qual se auto-nomeia "Haise". Ele é uma segunda personalidade de Kaneki, animado, feliz com seu trabalho de Investigador, de uma divisão especial só de Meio-Ghouls. Ele tem sua equipe, que são seus grandes novos amigos, e não tem qualquer lembrança de seu passado.


Nessa temporada tudo foca mais no grupo de Investigadores e suas missões, bem como em Haise tendo de manter sua posição como líder e mentor, ao mesmo tempo que sofre com seu passado esquecido. Ele tem dentro dele o Kaneki, tentando dominar, mas não permite com medo de perder suas novas alianças.


Mas, no final, em meio a uma missão decisiva em que a vítima era um antigo amigo Ghoul, Kaneki acaba despertando e voltando ao domínio de seu corpo (e retornando ao cabelo completamente presto), porém, em mescla com Haise, chegando ao ponto de menosprezar os Ghouls e continuar sua jornada ao lado dos Investigadores, matando mais e mais Ghouls indiscriminadamente.


Confira o trailer:


De humano pra meio Ghoul, de meio Ghoul pacifista pra Ghoul guerrilheiro, de Ghoul guerrilheiro para Investigador assassino de Ghouls, essa é a jornada atual de Kaneki em Tokyo Ghoul.

Compensa assistir, pois há grandes reflexões sobre o que te torna humano, e faz pensar sobre quanto sangue pode jorrar de uma pessoa até ela esvaziar...

Enfim, quis compartilhar isso. See yah.

4 comentários:

  1. Esse é um anime que sempre quis, e vc deixou eu com mais vontade de assistir kkk (só não assisti ainda pq a net não colabora ;-;), uma coisa que vc esqueceu de citar foi a 1° Opening, que é muito boa e memorável (assisti essa opening no YT). No geral, gostei da análise ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiquei em dúvida se na parte do Trailers colocava os trailer ou as Openings, pois pra mim, as Aberturas são sempre melhores pra representar os animes. Mas o tenso é que na segunda temporada a Abertura é bem... tosca. É o protagonista parado... então eu achei que ficaria melhor botando os trailers. Mas nas próximas deixarei as aberturas mesmo. Vlw sr Caíque.

      Excluir
  2. Muito bom. Começei a ver esse anime mas nunca terminei

    ResponderExcluir

CadastroMorte

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner